sábado, 16 de abril de 2011

Digam-me que isto é uma fase

Entre ontem e hoje a Mia comeu umas 4 colheres de sopa! Nada de muito grave se ela comesse o 2º prato! Se ela comesse carne e peixe aos bocadinhos eu estava-me pouco lixando para o raio da sopa. Mas não! Hoje comeu o seguinte: ao pequeno-almoço bebeu umas gotas de leite, meia dúzia de cereais e 1/4 de uma fatia de pão com manteiga. Umas horas após comeu 2 iogurtes. Ao almoço tentei dar-lhe sopa na casa de banho, a lavar a boneca, a brincar com a água, a brincar com champô, a brincar com a pasta e a escova de dentes. Comeu 2 colheres, depois de uns bons 40 minutos nesta treta. Almoçou então 2 boiões de fruta. Á tarde deu umas trincas numa banana e num bocado de pão. Agora à noite comeu 1 colher de sopa. Depois pus no forno uns douradinhos de peixe e umas batatas de que gosta muito de comer no infantário. Esmagou o douradinho e comeu uma batata. Preparei-lhe fruta. Não lhe tocou. Comeu 2 suissinhos e gelatina! E pronto, é isto! Enervo-me eu, enerva-se o pai, enerva-se ela. Agora digam-me, quem já por isto passou, que é uma fase, que é da idade. E dicas de distração pa ela comer eu não preciso, porque acreditem sou perita nessa matéria!! E também não me digam que se não tem fome para a sopa não tem fome para mais nada porque ela estaria o dia todo sem comer, de certeza. Ah, e também não me digam que está a estranhar o regresso de Portugal, porque já lá era muito complicado dar-lhe as refeições! Vamos ter de parar com a sopa uns dias, mas o problema é que ela não come carne, nem peixe, nem ovo aos bocadinhos. Só arroz e massa e em quantidades nada satisfatórias. Ah, cerelac que adorava também já não quer. Ao menos leite vai bebendo. Enfim, ando ansiosa e nervosa com isto.

9 comentários:

tania disse...

ola,eu tambem pssei por isso tudo com o meu filhote mais novo...queixava-me ao medico e ele dizia que tudo passaria quando ele fizesse 8 anos,e nao e que por sorte ou por sabedoria do medico passou mesmo?agora o miudo come ate mais nao,,mas atencao cada caso e um caso no meu foi assim!!!

Aline disse...

Tudo bem que não muito mas tb não é mau de todo. É só uma fase (penso eu). Mas às vezes, essas fases duram anos. A pediatra alertou-me para que, se isso acontecesse, não forçar, mas não dar outras coisas até à refeição. Experimenta.
Beijinhos

T zero disse...

Anima-te!
Eu sempre fui terrível para comer até aos meus 7 ou 8 anos. Levavam-me ao médico e o pediatra receitava-me umas vitaminas para serenar a família...
Tal como tu o pessoal era perito em distrações e palhaçadas para ver se me enfiavam uma garfada pela goela abaqixo sem que eu desse conta, eheh.
Mas era o inverso da Mia num aspecto: as refeições nunca podiam começar com um prato de sopa, porque eu rapava-o e depois já não comia mais nada. ;) E olha que o máximo de "petiscos" que me davam fora da refeição era um palitinho de cenoura!
Vamos esperar que esta fase da Mia não dure até aos 8 anos.
[Lamento que a dica da maçãzita não tenha surtido o efeito desejado]

disse...

O pediatra da Marta diria-te assim:
As crianças são como nós, adultos, nem sempre temos o mesmo apetite. Uns dias mais noutros menos.

Mas olha o importante é que ela se alimentou, ainda que com pouco, e depois também bebe o leitinho.
Mas que enerva, enerva.

Beijinhos e parabéns pelo pilas ;)

Cati disse...

Querida, eu espero que seja só uma fase. A Leonor também anda mais arisca para comer, mas a sopa, por enquanto, vai sempre. Agora anda a engonhar com o segundo prato. Talvez seja a entrada nos Terrible Two.

Quando a Leonor não quer comer o que há - o que acontece volta e meia... - pura e simplesmente não lhe dou mais nada. Ainda há dias o jantar era sopa de feijão branco, lasanha e pêra para sobremesa. Comeu metade de uma concha de sopa. Duas garfadas de lasanha. Metade de um quarto de pêra. Tudo no meio de "a Nonô não quéi, não quéeei". Ah não quer? Não come. Não há cá iogurtes nem boiões de fruta, nem pão nem bolachas. Se comeu realmente pouco dou-lhe leite antes de dormir, mas manda-mo beber a mim. E no dia seguinte come melhor!

Não stresses amiga... isso não faz bem ao maninho da Mia. Sossega, a miúda não vai morrer à fome. Eu sei bem que enerva, principalmente quando passámos algum tempo na cozinha a fazer uma coisa que pensamos que vai ser do agrado e depois... birra.

Beijoca e força*

Eva Prata disse...

Desejo que seja apenas uma fase!Nesta matéria, pouco ou nada me pronuncio, porque a partir dos 2 anos e até entrar para a escola primária,era muito complicado comer e nem as vitaminas que tomava ou as idas à praia nos verões, para o apetite regressar,faziam grande coisa ( mas claro,cada um com as suas próprias características)!
Bjinhos e há que ter paciência! ;)

Tella disse...

entendo-te. Cá em casa, é uma luta dar de comer ao mais novo. Espero que seja uma fase. BJS

Abóbora Amarelinha disse...

Em todas as idades há alterações, quer de alimentação, quer no comportamente, no comportamento temos sempre bom remédio, e quando digo temos, é que temos mesmo, porque eu continuo a dizer que nós é que mandamos.
Na alimentação, a pouca variedade que os bébes comem (e por muito que se varie é sempre baseado no mesmo)fá-los enjoar, e acredito que a ansiedade e o medo que
demonstramos por eles não quererem comer, só prejudica. (dada a matreiriçe deles). Experimenta na hora das refeições dizer várias frases como: hoje não há papa para a mia. Hoje não queres papa pois não mia? hoje a mia não vai papar, a papa é toda para mim. etc...Não sou de acordo com vitaminas(sabes isso muito melhor que eu, he he)como já disse várias vezes eu não tive problemas com as minhas gajas, mas existia o pápa queijos, que quando elas comiam pouco eu punha a comida no garfo e dizia-lhes para não mexerem que era para o pápa queijo,depois distraia-me e quando olhava dizia: olha o pápa queijo já veio comer, vou pôr mais comida! e assim lá marchava mais umas garfadas.
Aida hoje com a idade delas volta e meia brincamos aos pápa queijos, e tenho a certeza que o pápa queijos tambem ha-de vir muitas vezes comer a comida dos meus netos, he he.
possas isto parece uma postagem!
jinhos

Anónimo disse...

nem sei ke te diga :) se a minha filha comesse metade do ke disseste ke a tua filha comeu já eu me dava por feliz :)
n me parece mto grave, pk a minha filha vende saude graças a Deus e n come nem um iogurte inteiro, nem nada de nada , nem papas , nem frutas, sopa não come há quase 2 anos, ou seja vive quase do ar ... já quase dei em maluca mas já me resignei ke n posso fazer nada alem de vigiar a saude da minha menina :))
boa sorte