segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Mimalha vs mimada

Ser mimalha é muito diferente de ser mimada, não é? É que eu mimo a Mia até não poder mais e ela anda muito mimalha com tanto mimo que lhe damos. E para mim, é mesmo assim que tem de ser. Os pais servem, entre muitas outras coisas, para dar mimos até enjoar. Agora meninos mimados, odeio. Portanto, não sei se me faço entender quando digo que mimalhos e mimados é diferente. Faço??

5 comentários:

Aline disse...

Claro que fazes. Quando falas dos mimados, falas dos insuportáveis. Daqueles que têm uma educação permissiva. Certo?

Maria João disse...

Certo Aline. Exactamente isso!

Mommy Kiki disse...

Perfeitamente de acordo! :)

Abóbora Amarelinha disse...

fazes-te entender muito bem e tens toda a razão.
mimar só faz é bem.
jinhos mimosos

Anónimo disse...

Pois, a nós falta-nos um equivalente à palavra "spoiled", já que dizer que uma criança está "estragada" soa mal.
Eu acho que o mimo é uma demonstração de amor, carinho e protecção e, como tal, nunca é excessivo. Mas mimo não significa ceder a todos os caprichos das crianças. O João tb recebe toneladas de mimo por dia mas quando é preciso ralhar, não se livra do raspanete. Acho que tenho um menino que mima e é mimado mas que começa a ter uma boa noção de valores éticos e de que há limites que não são ultrapassáveis.
(Desculpa estar como anónima, mas não consigo publicar com a minha conta...)
TZERO