terça-feira, 30 de março de 2010

Louca

É como eu vou acabar! Nova sessão de circo esta noite, entre a 1h e as 4h e tal da manhã. Com a agravante de que estou sozinha com ela esta semana inteira porque o pai está a trabalhar. Preciso de arranjar uma explicação para o que está a acontecer. Tem de haver uma razão para tanto berro, tanto nervosismo e tanta birra! Tou completamente perdida, cansada, sem forças para nada.

5 comentários:

TiTó disse...

Xiça . . . eu cá não percebo nada de crianças, aliàs sou daquelas que acham que todas deviam trazer um livrinho de instruções, mas isso não será para aí dores de dentes ou cólicas, algo do género, ou então simplesmente mimo!!

beijinhos e espero que a próxima noite já consigas descansar.

Anónimo disse...

Ela dorme a sesta? Não deixes, nem que esteja a cair de sono. Depois há-de cair, pelo cansaço.E se mudasses algum hábito da casa? Por exemplo, a partir de certa hora pores uma musiquinha suave, baixares o tom de voz, baixar as luzes, calma... muita calma, e muita, muita paciência. Não será de pôr de lado a idéia de cólicas. O meu filho só as tinha durante a noite aliadas a uma grande obstipação.
Força, que isso há-de passar!
Fernanda - Entroncamento

Maria João disse...

Olá Fernanda, obrigada pelo comentário. Ela dorme uma sesta de cerca de 1h durante o dia todo, o que é até pouco pa idade dela e por volta das 18h já está a cair de sono. Já pus a hipótese de o problema ser mesmo falta de descanso durante o dia...Quanto à musica suave, olha, isso não funciona com a minha filha; nem festinhas, nem cantar, nem música baixinha. Infelismente essas técnicas não dão pa ela:)
Dores tb não é porque tenho dado benuron porque pensei que a coisa tivesse a ver com os dentes...Por isso, não sei...
Mas obrigada pelas dicas. Preciso mesmo de várias, pa ver se chego a alguma conclusão.

Bjinhos

Maria João disse...

Ok, escrevi infelizmente com s!! peço desculpa:)

Mara disse...

Olá! Obrigada pela visita e pelo comentário!
Espero que as birras entretanto se atenuem... temos sempre esperança de que seja só uma fase... e de preferência que passe antes de nos levar à loucura...
Beijocas